1º Semestre de 2016

Monitorização das Condições de Trabalho em Portugal (aspetos em destaque)

Janeiro – Junho 2016 (1º Semestre)

 

1. Notícias em destaque no último semestre

Pensões por acidente de trabalho sobem 0,4% com retroativos

Estavam congeladas desde o ano passado, porque a inflação foi negativa e isso representaria um corte. Agora, as pensões por incapacidade permanente ou morte devido a acidente de trabalho vão ter um ligeiro aumento

http://www.tvi24.iol.pt/economia/09-06-2016/pensoes-por-acidente-de-trabalho-sobem-0-4-com-retroativos

Fonte: ACT

08-06-2016   CPLP contra o trabalho infantil

O ano de 2016 é o Ano Internacional da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) Contra o Trabalho Infantil dedicado à “Eliminação do Trabalho Infantil nas Cadeias de Contratação”.

30-05-2016   Decisão da Comissão Europeia sobre formação profissional

Acaba de ser publicada no Jornal Oficial da UE uma Decisão Delegada sobre títulos de formação e cursos de formação.

17-05-2016   Criada Plataforma Europeia contra Trabalho Não Declarado

Recente Decisão do Parlamento Europeu e do Conselho cria Plataforma para reforçar combate ao trabalho não declarado.

28-04-2016   Comemora-se hoje o Dia Nacional de Prevenção e Segurança no Trabalho
Esta  efeméride foi instituída pela OIT como o Dia Mundial para a Segurança e Saúde no Trabalho, celebrada em Portugal, por Resolução da Assembleia da República de 2001, como Dia Nacional de Prevenção e Segurança no Trabalho

28-03-2016   ACT do Alto Alentejo deteta trabalhadores clandestinos
Numa Herdade próxima de Elvas a ACT de Portalegre identificou 16 trabalhadores agrícolas, dos quais 14 encontravam-se não declarados à segurança Social.

23-03-2016   Comemorações do Centenário da Inspeção do Trabalho portuguesa arrancam em Lisboa

No dia 18 de março responsáveis máximos do mundo do trabalho nacional e internacional juntaram-se em Lisboa para o lançamento das Comemorações do Centenário da Inspeção do Trabalho Portuguesa, que decorrerão até março de 2017 com um diversificado conjunto de atividades.

23-03-2016   Estudo sobre o impacto das alterações ao Código do Trabalho nos Instrumentos de Regulamentação Coletiva

O Centro de Relações de Trabalho disponibilizou, na sua página na internet, um estudo sobre o impacto das alterações ao Código do Trabalho nos Instrumentos de Regulamentação Coletiva de Trabalho (IRCT)

07-01-2016   Ferramenta OIRA de avaliação de riscos profissionais
A ACT, enquanto Ponto Focal Nacional da Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho, acaba de disponibilizar mais uma ferramenta OiRA, nomeadamente uma ferramenta OIRA multissetorial, com potencialidade para ser utilizada em múltiplos setores de atividade.

06-01-2016   Trabalho não declarado na apanha de pinha
ACT de Beja, em articulação com a GNR de Santiago de Cacém, realizou no dia 4 de janeiro uma ação inspetiva na zona de Santo André-Sines.Inspetores encontraram 31 trabalhadores não declarados na apanha de pinha

.

2. Legislação na área publicada no último semestre

Lei n.º 8/2016, de 1 de abril (PDF, 155KB) – Procede à décima alteração ao Código do Trabalho, aprovado pela Lei n.º 7/2009, de 12 de fevereiro, restabelecendo os  feriados nacionais.

Resolução da Assembleia da República n.º 111/2016, de 22 de junho – D.R., IS, n.º 118/2016, 22/06/2016, Adoção de medidas integradas de incentivo à natalidade e de proteção da parentalidade

Portaria n.º 118-A/2016, de 29 de abril – D.R., IS, n.º 83/2016, 1.º Suplemento, 29/04/2016, Aprova o Regulamento do Regime de Apoio à Promoção do Capital Humano.

Portaria 162/2016, de 9 de Junho, Atualiza as pensões por acidente de trabalho para o ano de 2016.

.

3. Relatórios e Estatísticas publicadas no último semestre

Fonte: GEP – Gabinete de Estratégia e Planeamento

http://www.gep.msess.gov.pt/

Boletim Estatístico

 

Fonte: Direção-Geral da Administração e do Emprego Público

http://www.dgap.gov.pt/

Síntese Estatística do Emprego Público (SIEP)

1º trimestre de 2016

 

Fonte: Instituto Nacional de Estatística

http://www.ine.pt

Estimativas Mensais de Emprego e Desemprego (Janeiro-Junho 2016)

 

Fonte: Instituto de Emprego e Formação Profissional

https://www.iefp.pt/estatisticas

Informação Mensal do Mercado de Emprego – 2015  (Janeiro-Junho 2016)

Estatísticas Mensais por Concelhos (Janeiro-Junho 2016)

Estatísticas Mensais do Mercado de Emprego (Janeiro-Junho 2016)

 

4. Artigos publicados no último semestre

Almeida, A.; Rebelo, F.; Noriega, P. (2016), Development of a Virtual Environment for Safety Warnings Behavior Compliance Evaluation. In F. Rebelo and M. Soares (Eds.): Advances in Ergonomics in Design, Advances in Intelligent Systems and Computing 485 (pp. 35-42), Switzerland: Springer International Publishing.

Almeida, C., Santos, J. & Diniz, C. (2016). Shift work: changing the implications of the circadian rhythm in the safety and health of workers – Systematic review. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 1-3). Guimarães: SPOSHO.

Azevedo R, Teixeira N, Abade E and Carvalho A. (2016). Effects of noise on postural stability when in standing position. WORK: A Journal of Prevention, Assessment & Rehabilitation Vol. 54 pp 87–91 DOI:10.3233/WOR-162280

Barbara Sieben, Timo Braun, Aristides Isidoro Ferreira (2016) “Reproduction of ‘Typical’ gender roles in temporary organizations – No surprise for whom? The case of cooperative behaviors and their acknowledgement”, Scandinavian Journal of Management, 32 (1), 52-62.

Barros C.,  Cunha, L., Baylina, P., Oliveira, A. (submitted)  Development and Validation of Health and Work Survey based on Rasch Model among Portuguese Workers Int J Occup Med Environ Health.

Barros, C., Fonte, C., Pimentão, C., & Alves, S. (2016). Desafios emergentes sobre a saúde nas organizações: em defesa de organizações e indivíduos saudáveis (29-40). In M.C.Oliveira (Coord.). Sobre Saúde. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-135-8 (206 pp)

Borges, T.; Vilar, E.; Noriega, P.; Ramos, S.; Rebelo, F. (2016), Virtual Reality to Study Job Interview Anxiety: Evaluation of Virtual Environments. In F. Rebelo and M. Soares (Eds.): Advances in Ergonomics in Design, Advances in Intelligent Systems and Computing 485 (pp. 25-33), Switzerland: Springer International Publishing.

Cabral, A. L. (2016). The Portuguese anthropometric database comparison. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 41-44): CRC Press.

Cabral, A. L. & Silva, E. (2016). Análise postural por fotogrametria-Estudo de caso. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 22-24). Guimarães: SPOSHO.

Carneiro, L.; Oliveira, T.; Noriega, P.; Rebelo, F. (2016), Can the Context Stigmatize the Assistive Technology? A Preliminary Study Using Virtual Environments. In F. Rebelo and M. Soares (Eds.): Advances in Ergonomics in Design, Advances in Intelligent Systems and Computing 485 (pp. 289-297), Switzerland: Springer International Publishing.

Carvalhais, C., Santos, J., Coelho, M., Xavier, A., Silva, M. (2016). Health care staff perception of noise in Neionatal Intensive Care Units: A questionnaire survey from NeoNoise projet. In Arezes, P.M., Baptista, J.S., Barroso, M.P., Carneiro, P., Cordeiro, P., Costa, N., et al. (Eds). Occupational Safety and Hygiene IV. pp. 567-571. London: CRC Press, Taylor & Francis Group.

Carvalhais, C., Santos, J., Coelho, M., Xavier, A., & Silva, M. (2016). Health care staff perception of noise in Neonatal Intensive Care Units: A questionnaire survey from NeoNoise project. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 567-571): CRC Press.

Carvalho, F., Melo, R. B., Costa, V. (2016). Ergonomic Work Analysis of a Pathological Anatomy Service in a Portuguese Hospital. In P. Arezes (Ed.), Advances in Safety Management and Human Factors, Advances in Computing 491 (pp. 449–462). Switzerland: Springer International Publishing.

Carvalho, F.; Melo, R.B. (2016). Reliability in occupational risk assessment: Stability and reproducibility evaluation when using a matrix based approach. In P. M. Arezes; P.V.R. Carvalho (Eds.) Ergonomics and Human Factors in Safety Management (pp. 3-29), Boca Raton: CRC Press, ISBN 9781498727563.

Carvalho, I., Costa, P. L., Simoes, R., Silva, A., & Silva, S. A. (2016). Qualitative analysis of vehicle needs and perceptions towards the adoption of a reconfigurable vehicle. Research in Transportation Business & Management, 18, 85-104.

Cordeiro, A., Miguel, A., Oliveira, A. & Ramos, R. (2016). Occupational Noise Mapping in an Industrial Environment. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp.49-51). Guimarães: SPOSHO

Costa, A.C.; Rebelo, F.; Teles, J. (2016), Child-persona: What I Think to What They Are. In F. Rebelo and M. Soares (Eds.): Advances in Ergonomics in Design, Advances in Intelligent Systems and Computing 485 (pp. 43-51), Switzerland: Springer International Publishing.

Cruz, Sofia Alexandra,  Suzana Fernandes (2016), Contrato psicológico e estágio profissional em advocacia, Sociologia – Problemas e Práticas, n. 80, 31-47

Domingues, A., Vila-Chã, C., Santos, J. (2016). Impacto da exposição a vibrações corpo inteiro na sensação de posição e controlo postural de condutores de veículos pesados. Em Almeida, J., Ferreira, A. (Eds). Segurança, saúde Ocupacional e Ambiental. pp. 145-147. Coimbra, Portugal: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra – Departamento de Saúde Ambiental. ISBN: 978-989-8252-35-7

Estevão, A. & Tato, M. (2016). Risk Assessment in Buildings and Infrastructures –Health Care Facilities Number. Occupational Safety and Hygiene IV. In P. M. rezes, J. d. Baptista, M. Barroso, P. Carneiro, P. Cordeiro, N. Costa, G. Perestrelo, Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 225-229). CRCPress.

Ferreira, Aristides Isidoro, Joana Diniz Esteves (2016) “Perceptions of time at work. Why the clock ticks differently for men and women when they are not working at work”, Personnel Review, 45 (1), 29-50

Gonçalves, G., Nené, D., Sousa, C., Santos, J., & Sousa, A. (2016). The workaholism as an obstacle to safety and well-being in the workplace. In P. M. Arezes, J. S. Baptista, M. P. Barroso, P. Carneiro, P. Cordeiro, N. Costa, R. B. Melo, A. S. Miguel, G. Perestrelo (Eds.), Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 81-85). London: Taylor & Francis Group. ISBN: 978-1-138-02942-2; ISBN: 978-1-315-62896-7 (eBook PDF)

Guedes, J. C., Baptista, J. S., Álvares, M., Vaz, M., Conceição, F., Campos, J., & Santos, J. (2016). Physical exertion in military during heat stress conditions?preliminary  results. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 579-583): CRC Press.

Gusmão, L.; Silva, C.; Carnide, F. (2016). Effects of Work Organization in the Health and Welness of Senior Workers. In P. Arezes (Ed.), Advances in Safety Management and Human Factors,  Advances in Intelligent Systems and Computing 491 (pp. 65-74), Switzerland: Springer International Publishing.

Heidrich, R.; Rebelo, F.; Branco, M.; Mossmann, J.B.; Schuh, A.; Jensen, E.; Oliveira, T. (2016), Questing Ruins: A Game for a Digital Inclusion. In A. Marcus (Ed.): Design, User Experience, and Usability: Novel User Experiences,  Lecture Notes in Computer Science  Vol. 9747 (pp 264-272), Switzerland: Springer International Publishing.

Jesus, S., Viseu, J., Lobo, P., Orgambídez-Ramos, A., Moura, D., Santos, J., Pereira, J. Borralha, S., & Rus, C. (2016). Validação de uma medida de saúde organizacional para a população portuguesa. In Psicologia da Saúde Ocupacional (pp. 51-70). Lisboa: Pactor (Ed.). ISBN: 978-989-693-051-6.

Junior, F., Pereira, C. & Santos, M. (2016). Fatores de risco na atividade de procuradores do trabalho: aplicação do Effort-reward Imbalance Questionaire (ERI-Q). International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 117-119). Guimarães: SPOSHO.

Lopes, A. & Pinho, E. (2016). Estudo da prevalência de sintomas músculo-esqueléticos nos trabalhadores de um centro de triagem de resíduos valorizáveis. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp-150-152). Guimarães: SPOSHO.

Maia, I., Guedes, J. & Baptista, J. (2016). “Comfort Lightning and Energy Efficiency in Open Space Offices” Occupational Safety and Hygiene IV. In P. M. rezes, J. d. Baptista, M. Barroso, P. Carneiro, P. Cordeiro, N. Costa,  G. Perestrelo, Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 573-577). CRCPress.

Marques, A. & Gonçalves, A. (2016). Silicosis, a preventable occupational disease: current status and challenges. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 173-175). Guimarães: SPOSHO.

Martins, J.M. (2016), “Individuação, identidades incertas e precarização flexível: o trabalho dos formadores de adultos num contexto de subida das incertezas”, Organizações e Trabalho, n.º 43-44, 11-22

Martins, D. & Cunha, L. (2016). An activity of  “acceptable”, the one of the occupational Health and Safety Professionals?. Occupational Safety and Hygiene IV. In P. M. rezes, J. d. Baptista, M. Barroso, P. Carneiro, P. Cordeiro, N. Costa, G. Perestrelo, Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 213-218). CRCPress.

Matos, M. L., Costa, P. R. & Baptista, J. S. (2016). Avaliação do parâmetro SEAT em motoristas de autocarros urbanos. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 194-196). Guimarães: SPOSHO.

Matos, L., Coelho, A., Baptista, J. S., & Costa, P. R. (2016). Relationship between production cycles and noise patterns in loading and transport operations in quarries. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 473-478): CRC Press.

Melo, R.B.; Carvalho, F.; Delgado, A. (2016). Beyond the pleasures of music: are music teachers at risk? In P. Arezes (Ed.), Advances in Safety Management and Human Factors,  Advances in Intelligent Systems and Computing 491 (pp. 333-342), Switzerland: Springer International Publishing.

Mourão, Rita Andreia e Sandra Miranda (2016), “Communication in organizations and 360-degree evaluation: what is the relationship between the two concepts?”, Organizações e Trabalho, n.º 43-44, 39-50

Noriega, P.; Pinto, T.; Assunção, J.; Lourenço, F.; Ungureanu, C.; Ribeiro, E. (2016), Web Press Carousel and His Effects Over News Memorization. In F. Rebelo and M. Soares (Eds.): Advances in Ergonomics in Design, Advances in Intelligent Systems and Computing 485 (pp. 53-61), Switzerland: Springer International Publishing.

Oliveira, J., Mesquita-Bastos, J., Melo, C.A., Ribeiro, F. (2016). Postaerobic Exercise Blood Pressure Reduction in Very Old Persons With Hypertension. Journal of Geriatric Physical Therapy, 39(1), 8-13. DOI: 10.1519/JPT.0000000000000049.

Oliveira, Susana Maria de e Mota Tavares (2016) “How Does Creativity at Work Influence Employees Positive Affect at Work?”, European Journal of Work and Organizational Psychology, 25 (4), 525-539

Oliveira, Susana Maria, e Mota Tavares, Daan van Knippenberg, Rolf van Dick (2016) “Organizational identification and ‘currencies of exchange’: integrating social identity and social exchange perspectives”, Journal of Applied Social Psychology, 46 (1), 34-45

Qin Zhou, Luís Fructuoso Martinez, Aristides Isidoro Ferreira, Piedade Rodrigues (2016) “Supervisor support, role ambiguity and productivity associated with presenteeism: A longitudinal study “, Journal of Business Research, 69 (9), 3380-3387

Paolillo, A., Pasini, M., Silva, S. A., & Magnano, P. (2016). Psychometric properties of the Italian adaptation of the Mor Barak et al. diversity climate scale. Quality & Quantity, 1-18. DOI 10.1007/s11135-016-0316-3

Pedrosa, L., Matos, M., & Baptista, J. (2016). Occupational noise in urban bus- A short review. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 242-244). Guimarães: SPOSHO.

Rebelo, Manuel Ferreira; Gilberto Santos; Rui Silva (2015). Integration of Standardized Management Systems: A Dilemma? Systems 2015, 3, 45-59; doi:10.3390/systems3020045. Junho de 2015;

Rebelo, F.; Cotrim, T.; Noriega, P.; Melo, R.B. (2016), Cooperation University and Industry, a Challenge or a Reality: An Example in an Aircraft Maintenance Company. In F. Rebelo and M. Soares (Eds.): Advances in Ergonomics in Design, Advances in Intelligent Systems and Computing 485 (pp. 245-254), Switzerland: Springer International Publishing.

Rebelo, Manuel Ferreira; Gilberto Santos; Rui Silva (2015). Integrated management Systems; Critical Success factors. Journal of Global Economics, Management and Business Research 5(2): 109-124, 2016 ISSN: 2454-2504

Rodrigues, M.A., Arezes, P., Leão, C.P. (2016). Characterization of the Portuguese Furniture Industry’s Safety Performance and Monitoring Tools. In Arezes, P.M.F.M., Carvalho, P.V.R. (Eds). Ergonomics and Human Factors in Safety Management. Chapter 5, pp. 93-109. CRC Press LLC. ISBN: 1498727565, 9781498727563

Rodrigues, M.A., Rubio-Romero, J.C., Arezes, P., Soriano-Serrano, M. (2016). Occupational risk assessment in Olive Oil Mills: Limitations and new perspectives. DYNA, 83 (196), 21-26. DOI: http://dx.doi.org/10.15446/dyna.v83n196.56604

Rosário, S., Fonseca, J., Nienhaus, A. & Torres da Costa, J. (2016). Standardized assessment of psychosocial factors and their influence on medically confirmed health outcomes in workers: a systematic review. Journal of Occupational Medicine and Toxicology. 11:19. DOI: 10.1186/s12995-016-0106-9

Rufo, J. C., Madureira, J., Paciência, I., Sousa, J. R. B., Fernandes, E. O., Slezakova, K., & Moreira, A. (2016). Exposure to emissions from cleaning products in primary schools: A test  chamber study. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 25-28): CRC Press.

Sá, A., Silva, M. & Rodrigues, M. (2016). Análise custo-benefício de um programa de rotatividade de postos de trabalho: Identificação e análise da aplicabilidade de indicadores. Em Almeida, J., Ferreira, A. (Eds). Segurança, saúde Ocupacional e Ambiental. pp. 37-42. Coimbra, Portugal: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra – Departamento de Saúde Ambiental. ISBN: 978-989-8252-35-7.

Salomão, R.C.S.;  · Rebelo, F.; · Rodríguez, F.G. (2016), Evaluating Play-Personas of an Educational 3D Digital Game for University Students to Learn Portuguese as a Foreign Language. In A. Marcus (Ed.), Lecture Notes in Computer Science Vol.9747 (pp 198-207), Switzerland: Springer International Publishing.

Santos, J., Mesquita, I., Monteiro, P., Santos, R., Baptista, J.S., Vaz, M. (2016). The influence of job rotation on wrist position sense: a preliminar study among assembly workers in a real-life occupational setting. In Arezes, P., Baptista, J.S., Barroso, M.P., Carneiro, P., Costa, N., et al. (Eds). Occupational Safety and Hygiene SHO2016 – Proceedings book. pp. 302-304. Guimarães, Portugal: Portuguese Society of Occupational Safety and Hygiene (SPOSHO). ISBN: 978-989-98203-6-4.

Santos, C.M. Ana Margarida Soares Lopes Passos, Sjir Uitdewilligen (2016) “When shared cognition leads to closed minds: temporal mental models, team learning, adaptation and performance”, European Management Journal, 34 (3), 258–268

Santos, C.M., Ana Margarida Soares Lopes Passos, Sjir Uitdewilligen, Annika Nübold (2016) “Shared temporal cognitions as substitute for temporal leadership: An analysis of their effects on temporal conflict and team performance “,The Leadership Quarterly, 27 (4), 574-587.

Santos, J. (2016), “A responsabilidade social e a gestão de recursos humanos nas empresas do PSI-20: algumas pistas de reflexão”, Organizações e Trabalho, n.º 43-44, 67-80.

Santos, J., Mesquita, I., Monteiro, P., Santos, R., Baptista, J. & Vaz, M. (2016). The influence of job rotation on wrist position sense: a preliminary study among assembly workers in a real-life occupational setting. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 302-304). Guimarães: SPOSHO.

Seixas, A., Ferreira, T., Silva, M.V., Rodrigues, M.A. (2016). The impact of work shift on psychosocial risks: a case study. In Arezes, P., Baptista, J.S., Barroso, M.P., Carneiro, P., Costa, N., et al. (Eds). Occupational Safety and Hygiene SHO2016 – Proceedings book. pp. 314-316. Guimarães, Portugal: Portuguese Society of Occupational Safety and Hygiene (SPOSHO). ISBN: 978-989-98203-6-4.

Silva, A. S., Dinis, M. L., & Pereira, A. (2016). Measurements of indoor radon and total gamma dose rate in Portuguese thermal spas. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 485-489): CRC Press.

Silva, C. Barros, C., Cunha, L., Carnide, F., & Santos, M. (2016). Prevalence of back pain problems in relation to occupational group. International Journal of Industrial Ergonomics, 52, 52-58. DOI:  http://dx.doi.org/10.1016/j.ergon.2015.08.005

Silva, C.; Barros, C.; Cunha, L.; Carnide, F.; Santos, M. (2016). Prevalence of back pain problems in relation to occupational group. International Journal of Industrial Ergonomics, 52: 52-58.

Silva, D., Soares, H., Rodrigues, M.A., Santos, R., Monteiro, P.R.R., Loureiro, I. (2016). Schoolbag weight and the postural and psychophysical changes in young students: A pilot study. In Arezes, P.M., Baptista, J.S., Barroso, M.P., Carneiro, P., Cordeiro, P., Costa, N., et al. (Eds). Occupational Safety and Hygiene IV. pp. 453- 457. London: CRC Press, Taylor & Francis Group.

Silva, Manuel Carlos e Rita Borges Neves (2016), “’Agora sou velho demais para trabalhar’: uma leitura sociológica de memórias e vivências do trabalho e de desemprego em fim de carreira profissional, Configurações, 17, 213-230

Silva, J., Baptista, J. S., & Rodrigues, C. (2016). Use of effectiveness and efficiency concepts in occupational safety management on motorways: A systematic review. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 427-433): CRC Press.

Silva, V., Pinho, M. E., Vaz, M., & Reis-Campos, J. (2016). Musculoskeletal pain and physical workload among dental students. Occupational Safety and Hygiene IV (pp. 191-195): CRC Press.

Silva, A. S. & Dinis, M. L. (2016). Avaliação da Radiação Gama Total e Taxa de Dose de Radiação Gama nos Spas Termais Portugueses. International Symposion on Occupational Safety and Hygiene (pp. 323-325). Guimarães: SPOSHO.

Sousa, A.S., Macedo, R., Santos, R., Sousa, F., Silva, A., Tavares, J.M. (2016). Influence of prolonged wearing of unstable shoes on upright standing postural control. Human Movement Science, 45:142-53. doi: 10.1016/j.humov.2015.11.015.

Sousa, C., Gonçalves, G., Sousa, A., Silva, T., & Santos, J. (2016). Gestão da interface trabalho-família e efeitos na satisfação com a vida e na paixão com o trabalho / The work family interface management and the effects on satisfaction with life and passion for work. In P. M. Arezes, J. S. Baptista, M. P. Barroso, P. Carneiro, P. Cordeiro, N. Costa, R. B. Melo, A. S. Miguel, G. Perestrelo (Eds.), Occupational Safety and Hygiene SHO2016 – Proceedings book (pp. 338-340). Guimarães: SPOSH. ISBN: 978-989-98203-6-4.

Viegas, C.; Brandão, J.; Sabino, R. Meneses, M. & Veríssimo, C. (2016) Fungal Contamination of Sandpits from Recreational Parks and Schools: A Potential Risk for Human Health. J J Environ Sci. 2(1): 014.

Viegas, C.; Faria, T.; Carolino, E.; Sabino, R.; Quintal Gomes, A. & Viegas, S. (2016) Occupational Exposure to Fungi and Particles in Animal Feed Industry. Medycyna Pracy 67(2). http://dx.doi.org/10.13075/mp.5893.00289

Viegas, C.; Faria, T.; dos Santos, M.; Carolino, E., Sabino, R., Quintal Gomes, A., Viegas, S. (2016) Slaughterhouses Fungal Burden Assessment: A Contribution for the Pursuit of a Better Assessment Strategy Int. J. Environ. Res. Public Health 13, 297; doi:10.3390/ijerph13030297; Atlas of Science : http://atlasofscience.org/slaughterhouses-fungal-burden-assessment-a-contribution-for-the-pursuit-of-a-better-assessment-strategy/

Viegas, C.; Faria, T.; Meneses, M.; Carolino, E.; Viegas, S.; Quintal Gomes, A. & Sabino, R. (2016) Analysis of Surfaces for Characterization of Fungal Burden – Does it Matter? International Journal of Occupational Medicine and Environmental Health 29(4). http://dx.doi.org/10.13075/ijomeh.1896.00562

Viegas, C.; Quintal Gomes, A.; Faria, T.; Sabino, R. (2015) Prevalence of Aspergillus fumigatus complex in waste sorting and incineration plants: an occupational threat. Int. J. Environment and Waste Management, 16, 4: 353 – 369 (…)

Wagner Salles, Deise Nunes e Fernando Vieira (2016), “A construção coletiva do trabalho como uma prática gerencial: repercussões de aspectos discursivos e de sedução organizacional”.  Organizações e Trabalho, n.º 43-44, 23-38.

5. Teses de mestrado defendidas no último semestre

André da Silva Vilas. Análise ergonómica de postos de trabalho com computadores. Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão Industrial. FCT/UNL

Daniela Lucas Sousa. Ser Professor: Riscos psicossociais e consequências para a saúde e bem-estar no trabalho. Ano: 2016. Mestrado em Psicologia. Ramo: Psicologia do Trabalho e das Organizações – Universidade Fernando Pessoa.

Filipe Eugénio Arrais Ferreira. Análise integrada de segurança e ambiente em processos de recolha de resíduos de navios. Cleanport, Portos e Ambiente S.A., Lobito, Angola, Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão Industrial. FCT/UNL.

Gonçalo Nuno de Figueiredo Veloso de Sena Pinheiro. O capital intelectual nas organizações. Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão Industrial. FCT/UNL. Departamento de Engenharia Mecânica e Industrial, FCT/UNL.

Joana Brito de Carvalho (2016). Avaliação da eficácia dos planos de proteção aplicados a operadores com lesões músculo-esqueléticas ao nível do membro superior. Mestrado em Ergonomia, Faculdade de Motricidade Humana, Universidade de Lisboa.

Márcia Isabel Conceição dos Santos. Horário por turnos: análise do seu efeito numa empresa do sector industrial. Mestrado em Ergonomia, Faculdade de Motricidade Humana, Universidade de Lisboa.

Sara Raquel Ferreira da Silva. Análise de Acidentes de Incêndio e Explosão em Navio”. Mestrado em Engenharia e Arquitetura Naval, IST – Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa.

.

6. Teses de doutoramento defendidas no último semestre

Teerayut Sa-Ngiamsak, Assessment of muscle fatigue in work related musculoskeletal disorders by high-density surface electromyogtaphy. . Tese de doutoramento em Segurança e Saúde Ocupacionais, Programa Doutoral em Segurança e Saúde Ocupacionais da Universidade do Porto. Março 2016.

Ana Sofia Gonçalves Ribeiro Moreira da Silva, Exposição Ocupacional ao Radão em Estabelecimentos Termais. Tese de doutoramento em Segurança e Saúde Ocupacionais, Programa Doutoral em Segurança e Saúde Ocupacionais da Universidade do Porto. Maio 2016.

Cláudia Sofia Barros Vieira, Acidentes de trabalho associados a fatores de risco biológico em contexto hospitalar. Tese de doutoramento em Segurança e Saúde Ocupacionais, Programa Doutoral em Segurança e Saúde Ocupacionais da Universidade do Porto. Maio 2016

Susana Patrícia Bastos de Sousa, Análise da segurança ao fogo de argamassas poliméricas modificadas com nano óxidos. Tese de doutoramento em Segurança e Saúde Ocupacionais, Programa Doutoral em Segurança e Saúde Ocupacionais da Universidade do Porto. Junho 2016

Francisco António Coelho e Silva, A qualitative approach to risk assessment and control in engineered nanoparticles occupational exposure, Doctoral Dissertation for PhD degree in Industrial and Systems Engineering.

.

7. Encontros científicos realizados no último semestre

International Symposium on Occupational Safety and Hygiene : http://www.sposho.pt/sho2016/

Ciclo de Conferências Segurança e Saúde Ocupacionais, dos Riscos às Propostas de Intervenção – “Aplicação do Regulamento REACH na prevenção de riscos profissionais” (13 de maio de 2016): https://sigarra.up.pt/feup/pt/noticias_geral.ver_noticia?P_NR=48168

Simpósio Ibérico Riscos Psicossociais / Simpósio Ibérico de Riesgos Psicosociales, organizado pela Universidade Fernando Pessoa do Porto e pela Sociedade Espanhola de Ergonomia, 22 de Abril de 2016, na Universidade Fernando Pessoa, Porto, Portugal.

Workshop sobre Melhoria das Condições de Trabalho nas Empresas – Aspetos Práticos. Celebração do Dia Nacional de Prevenção e Segurança no Trabalho. Caparica, 4-5 Maio, 2016.

Jornada Técnica “Da luta química à produção integrada em Agricultura, Segurança Ambiental e Ocupacional. Secção Regional Norte da OET, 29 de abril de 2016. Duração: 3 horas.

V Jornadas de Engenharia de Segurança do Trabalho e de Ciências Empresariais, subordinadas ao tema “Indústria Extrativa e Transformadora”. Auditório da Biblioteca Municipal de Felgueiras. Estudantes das licenciaturas em Engenharia de Segurança do Trabalho e de Ciências Empresariais da ESTG-Politécnico do Porto, 13 de maio de 2016.

I Congresso Luso-Brasileiro de Segurança, Saúde Ocupacional e Ambiental (SSOA 2016), Coimbra. Departamento de Saúde Ambiental da Escola Superior de Tecnologia e Gestão da Saúde de Coimbra em parceria com a Academia Brasileira de Engenharia de Segurança do Trabalho e a Sociedade Brasileira de Engenharia de Segurança, 2 e 3 de junho de 2016.

Seminário Diretiva Máquinas e equipamentos de trabalho: Campanha de prevenção de riscos profissionais em máquinas e equipamentos de trabalho, dia 29 de janeiro de 2016. Escola Superior de Tecnologias da Saúde de Lisboa, Lisboa.

Conferência em Radiações e Saúde – Dosimetria Individual, dias 19 e 20 de fevereiro de 2016. Escola Superior de Tecnologias da Saúde de Lisboa, Lisboa.

Seminário Promover locais de trabalho saudáveis ao longo da vida, dia 31 de maio de 2016, Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge (INSA), Lisboa.

Ciclo de Seminários em Saúde Ambiental e Ocupacional – Parte II – Segurança e Saúde Ocupacional, dias 25 de maio, 1 de junho e 15 de junho de 2016, Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto, Vila Nova de Gaia.

Seminário 360º em Segurança, dia 18 de maio de 2016, auditório do Aveiro Business Center, Aveiro. Organização: Academia VLM.

Seminário Ergonomia e Promoção da Saúde, dia 29 de abril de 2016, Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto, Porto.

Seminário Segurança e Saúde no Trabalho na Construção Civil, dia 30 de abril de 2016, Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto, Porto.

Seminário Stresse no Trabalho, um desafio coletivo, dia 29 de abril de 2016, Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira, Santa Maria da Feira.

III Ciclo de Conferências de Segurança e Proteção Civil (1.ª Sessão). Planos de intervenção em catástrofe, dia 4 de maio de 2016, Instituto Superior de Ciências da Informação e da Administração (ISCIA), Aveiro.

Seminário “Trabalho temporário: representação, negociação e ação coletiva”, Lisboa, ISCTE-IUL (23 de Fevereiro)

Colóquio Internacional “Trabalho, Produção e Lutas Sociais no Século XXI”, Coimbra, Centro de Estudos Sociais (27 e 28 de Maio)

Seminário SST: Quando o impacto se pode tornar público ou ambiental! 20/04/2016, Lisboa: Faculdade de Motricidade Humana.

Ergo UX 2016 – Ergonomia, Usabilidade, User Experience. 10/03/2016. Lisboa: Faculdade de Motricidade Humana.

Seminário subordinado ao tema Desafios Contemporâneos da Segurança e Saúde no Trabalho, realizado no Instituto Universitário da Maia no dia 9 de Junho

III Congresso Nacional da Formação Profissional, 30 ou 31 de Março de 2016, ISCTE-IUL, Lisboa.

Posted on November 15, 2016, in 1. Newsletter and tagged , . Bookmark the permalink. Leave a comment.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: